TV 3D: 84 polegadas e ultra alta definição (UHD)

Por | 28 de May de 2010 | 8 comentarios | 3D, Televisores | Tags: ,

Por Ricardo Marques

A LG aproveitou sua participação na SID (Society for Information Display), uma feira voltada para engenheiros, fabricantes e cientistas especialistas em desenvolvimento e pesquisa de displays, para mostrar uma tela LCD de 84 polegadas, que ela afirma ser a maior do mundo na categoria UHD (ultra high definition), com 3840×2160 pixels de resolução, quatro vezes superior aos aparelhos full HD (1920x1080p) e capacidade de exibir imagens em três dimensões.

No mesmo evento foi exibido uma TV LCD 3D de 47 polegadas para ser utilizada em conjunto com novos óculos polarizados que reduz para menos de 1% o efeito crosstalk, que acontece quando há uma inversão no processamento da imagem e o olho direito passa a enxergar a imagem destinada ao esquerdo e vice-versa. Isso pode gerar fadiga ocular e dores de cabeça – aliás esses efeitos colaterais estão em todos os manuais de instrução dos televisores 3D, eles só não falam que a culpa é do crosstalk.

Outro televisor interessante e que eu realmente gostaria de ver de perto é um modelo LCD, também de 47 polegadas, mas que usa um painel especial, segundo a LG com lentes líquidas, que permite ver imagens 3D sem a necessidade de óculos especiais. Novidade que, assim como as outras, em breve chega as lojas. É só esperar a CES 2011.

8 Comentários

  1. Carlos da Mata (4 anos atrás)

    Caro Ricardo. No seu ultimo paragrafo você relata de uma tv de LCD 47" que causa o efeito 3D sem utilizar os óculos especiais. Acontece que há algum tempo a Philips anunciou a TV 3D que não precisa de óculos. Porém esta seria destinada no inicio somente para o mercado corporativo. Caso seja de SP sei onde tem uma dessas numa vitrine de shopping. Fica na loja do São Paulo Futebol Clube (Time de futebol mesmo) no Shopping Center Norte. Qualquer dúvida envie um email. Abraço.

  2. Ricardo Marques (4 anos atrás)

    Oi Carlos, na América Latina nós da Home Theater fomos o primeiro veículo a ver/demonstrar essa TV da Philips em um workshop que fizemos em 2007.

    Você pode ver mais detalhes nesse link:
    http://revistahometheater.uol.com.br/site/tec_not

    O que sei sobre esse modelo é que, na época, ao alto custo para produzir telas com essa solução fez a Philips "encostar" o projeto. Eles mantém um laboratório para produção de conteúdo 3D em SP e oferecem outras telas (não essa do vídeo especificamente) como solução para uso corporativo. No entanto esses modelos pecam em aspectos técnicos mais sofisticados – resolução, tempo de resposta, constraste, ângulo de visão – para uso doméstico (em salas de home theater, por exemplo) por isso a inviabilidade de oferecer, atualmente, essa solução para nós consumidores. Tanto que o primeiro modelo 3D da Philips a chegar por aqui será a TV 21:9 que já estamos testando, como você pode ver no post anterior. De qualquer forma vale o registro, já que outras empresas buscam solucionar a questão do funcionamento sem os óculos, que para muitos é um incômodo.

    um abraço e continue nos acompanhando!

  3. Jorge (4 anos atrás)

    Caro Ricardo Marques,

    Como leigo neste assunto e para subsidiar uma aquisição que estou em vias de realizar, gostaria de te pedir o seguinte esclarecimento: As novas TVs “Samsung série 9” e as “LG Full Led”, trazem, enfim, a tecnologia Local- Dimming embarcada nestes modelos?

    Grato pela atenção

    Jorge

  4. Francisco Lovecchio (4 anos atrás)

    Ricardo,

    Gostaria de fazer uma pergunta.

    Quando que nós brasileiros vamos ter a oportunidade de ter uma feira de eletronica para podermos pelo menos apreciar essas tecnologias.

    Grato

    Francisco

  5. Hodney (4 anos atrás)

    Algum tempo atrás, li uma reportagem comparando dois displays 3D, uma Plasma e uma LCD LED ambas Samsung. Constatei que no comparativo, a Plasma levava vantagem pela velocidade no tempo de resposta e também na qualidade de imagem em relação ao LED mas mesmo pelo fato de a tecnologia Plasma superar no 3D, os fabricantes preferem a novidade do "LED".

  6. marco (4 anos atrás)

    "…que ela afirma ser a maior do mundo na categoria UHD (ultra high definition), com 3840×2160 pixels de resolução, quatro vezes superior aos aparelhos full HD (1920x1080p)…"

    Houve um equivoco aqui, 3840×2160 é apenas o dobro de 1920x1080p, seria quantro vezes se fosse comparado a 1920x1080i.

  7. Vinicius Garcia (4 anos atrás)

    Prezados,

    Sou leitor da Planet Tech e preciso de esclarecimento sobre a função Auto Motion Plus 120 Hz da Samsung, modelo LN40C650. Ao ativar a função 120 Hz, executando jogos do Xbox 360 e filmes Blu-ray, todos em 1080p, percebo que algumas cenas de ação a imagem fica tremula e/ou trava. A assistência técnica da Samsung cai em contradição, informam que esta função é passiva de travamento e que terei que desabilita-la, porém outros técnicos informam que deveria funcionar perfeitamente…

    Já foi trocado a placa, comprado um cabo HDMI versão 1.3 e o problema persiste, então peço a ajuda da Planet Tech, pois são especialistas e esclarecedores dessas novas tecnologias.

    Pergunto; este travamento e/ou tremulação é normal no 120 Hz?

  8. Ricardo Marques (4 anos atrás)

    Oi Vinicius, para jogos de videogame não é recomendável a utilização do recurso 120Hz. Se você usar a pré-definição de imagens JOGOS da TV, vai perceber que ela estará desabilitada ou ficará no mínimo. Meu conselho é que, para jogos, você desabilite para não sofrer com essas tremulações.

    Já para filmes em Blu-ray, não é normal isso acontecer, embora seja passível se ela estive habilitada em máximo. Tente reduzir um pouco pra ver se o problema diminui. Além disso, acredito, você conseguirá uma imagem mais natural.

Comentários

Get Adobe Flash player